quinta, 14 de novembro de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Esporte
09/11/2019 13h40

Em SC: Para conciliar rotina, campeã de remo nos Jasc treina na madrugada

Mãe, educadora e atleta: a família de Adriana Vilela teve que enfrentar as barreiras do racismo para garantir o seu espaço no esporte
Em SC: Para conciliar rotina, campeã de remo nos Jasc treina na madrugada
Devido à falta de incentivos financeiros, os atletas do remo de Florianópolis precisam conciliar o esporte com inúmeras outras funções para sobreviver. Não é diferente a vida da campeã dos Jogos Abertos de Santa Catarina na categoria single skiff, no último domingo (3), em Timbó.

Adriana Vilela é também mãe de duas filhas e educadora infantil. A atleta, de 44 anos, vem de uma família que teve de lutar para quebrar as barreiras do racismo para conquistar seu espaço no esporte. Para conciliar a sua paixão com a correria do dia-a-dia, seus treinos começam de madrugada.

PUBLICIDADE
Moradora do bairro Centro, em Florianópolis, ela já esta acordada às 4h da manhã. Na hora seguinte carrega nos ombros o barco de 14 kg, batizado como Cesar Veríssimo. Do Clube Náutico Francisco Martinelli, leva o barco para as águas da Beira-Mar Norte. O treino da manhã dura uma hora e meia.


Treino e disciplina


“Nesse horário o tempo contribui, tem menos vento e o mar fica liso liso”, conta a atleta. Nas remadas, onde ela repetidamente joga o corpo para a frente e para trás, Adriana se transforma no motor de um barco, que flutua pelas águas que banham a Ilha de Santa Catarina. Em questão de pouco minutos, ela consegue circundar todas as três pontes da Capital.


Por volta das 6h30 ela volta para casa, deixa o carro e vai à pé até o NEIM (Núcleo de Educação Infantil Municipal) Almirante Lucas Alexandre Boiteux, também no Centro. Lá, ela exerce a função de educadora infantil, onde atende crianças de dois a cinco anos. A instituição conta com 82 crianças.


Mas assim que o expediente acaba, ela volta às águas. O treino vespertino começa às 14h e segue até as 17h. Aos sábados, os desafios costumam ser mais intensos. Durante às noites e domingos, ela dedica o tempo à família e às filhas, Laura e Beatriz, de 8 e 13 anos, respectivamente.



Fonte: Nd Mais.
HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia