domingo, 26 de maio de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
27/03/2019 10h08

Jaguaruna: Voos da Latam devem ser retomados nesta quarta-feira

Os pousos e decolagens estavam suspensos desde a última quinta-feira, quando o caminhão dos bombeiros, que permanece de prontidão no local, apresentou problemas.
Jaguaruna: Voos da Latam devem ser retomados nesta quarta-feira
O Aeroporto Regional Sul Humberto Ghizzo Bortoluzzi, de Jaguaruna, deve voltar a operar voos da Latam a partir desta quarta-feira (27). Os pousos e decolagens estavam suspensos desde a última quinta-feira, quando o caminhão dos bombeiros, que permanece de prontidão no local, apresentou problemas. Conforme o diretor comercial da RDL Aeroportos, André Costanzo, os responsáveis tentaram agilizar uma solução, mas não foi possível. “Amanhã (quarta) tudo será normalizado”, aponta. Em busca de novos voos Enquanto isso, os diretores da RDL continuam as negociações para que outras companhias aéreas passem a operar em Jaguaruna. “Será um avião menor, com ligação regional, com previsão de implantação no segundo semestre de 2019”, destaca. Negociação com o Estado Uma alteração burocrática poderá livrar a RDL Aeroportos de novos contratempos como o atual no aeroporto de Jaguaruna. Foi essa a intenção levada a diretores da Secretaria de Estado da Infraestrutura em audiência ontem, em Florianópolis. “Queremos que a obrigatoriedade do caminhão de bombeiros seja removida da lista de exigências feitas pelo Estado às empresas operadoras e aos próprios terminais, em se tratando de aeroportos do nosso porte”, explica Constanzo. Ocorre que a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) desobriga aeroportos que movimentem menos de 200 mil passageiros ao ano de manter caminhões de bombeiros. É o caso de Jaguaruna, que contou com 135 mil usuários em 2018. “A Azul já faz uso desse dispositivo legal e vem operando normalmente conosco, mas a Latam ainda não”, pondera Constanzo. “O que queremos é que o Estado retire essa obrigatoriedade da lista, avalizando a empresa de seguir com segurança a orientação da ANAC”, observa. “Estamos buscando uma saída jurídica. Com o aval da secretaria, poderemos ir à ANAC pedir a retirada desse caminhão. Já aconteceu em outros aeroportos. Trata-se de uma manutenção cara, um equipamento complicado e cheio de variáveis”, relata. Mas, mesmo que venha o aval estadual e federal, a intenção da RDL, no futuro, é manter o caminhão. “Mas não depender da condição dele para poder operar. O próprio Corpo de Bombeiros simpatiza com essa ideia. Porém, nossa prioridade agora é que ele funcione plenamente para depois construir essa nova solução. Queremos que a obrigatoriedade do caminhão deixe de ser critério para funcionamento, ou não, do aeroporto”, conclui. Com informações de Litoral Sul e 4oito
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.