segunda, 15 de agosto de 2022
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Segurança
27/06/2022 22h12

Em SC: Recém-nascido é encontrado morto dentro saco plástico em mata

A mulher ficou em silêncio durante o depoimento
Em SC: Recém-nascido é encontrado morto dentro saco plástico em mata
Um bebê recém-nascido foi encontrado morto dentro de um saco plástico, em Rio do Oeste, no Alto Vale do itajaí, na última sexta-feira (24). As circunstâncias da morte estão sendo investigadas pela Polícia Civil. Conforme a polícia, por volta das 13h, a suspeita deu entrada no Pronto-socorro do Hospital Regional de Rio do Sul.
PUBLICIDADE
Inicialmente a mulher relatou um sangramento, que seria de um aborto espontâneo, mas em seguida, entregou a placenta, que estava num saco plástico. Segundo a polícia, a mulher foi presa em flagrante, mas foi liberada, sem pagamento de fiança, porque no interrogatório optou por ficar em silêncio.


De acordo com o delegado Daniel Zucon, a suspeita não relatou o que teria ocorrido, mas indicou o local que o recém-nascido teria sido abandonado. O feto foi encontrado enrolado em pano e encoberto em saco plástico, em região de mata, perto da casa.


“Estava acondicionado num pano, envolto em saco plástico, jogado na mata, sem vida como já suspeitávamos”, informou o delegado.

PUBLICIDADE
Zucon disse que ainda não é possível saber se o recém-nascido foi abandonado ainda com vida ou já estava morto. O delegado aguarda os laudos do IGP que indiquem se houve aborto e o exame da placenta, onde será identificada a idade gestacional.


“Precisamos saber se nasceu com ou sem vida”, explicou o delegado, que aguarda os laudos técnicos para dar prosseguimento ao inquérito policial.


O nome da comunidade ondo o bebê foi encontrado, não foi divulgada. A mulher foi presa em flagrante e encaminhada para a CCP de Rio do Sul, pelo crime de ocultação de cadáver. Mesmo sendo presa em flagrante, ela foi liberada, sem pagamento de fiança, até mesmo porque no interrogatório optou por ficar em silêncio.

“Existem várias questões que precisam ser esclarecidas para sabermos que crimes ela cometeu”.


O delegado observou que se a criança nasceu com vida e a mãe a matou responderá até por homicídio. “Dependendo das circunstâncias pode ser abandono de recém-nascido para ocultação”. A suspeita esteve na delegacia acompanhada do seu companheiro. Ela tem outros filhos do primeiro relacionamento.


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.