terça, 24 de maio de 2022
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Variedades
21/01/2022 09h39

Haroldo Silva, o Dura: confira os destaques de política na coluna semanal

Semanalmente, às sextas-feiras, são publicadas suas análises sobre a política regional no nosso caderno especial
Haroldo Silva, o Dura: confira os destaques de política na coluna semanal

Obrigado, Dom João


O bispo da Diocese de Tubarão Dom João Francisco Salm está sendo transferido para a Diocese de Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul. Depois de 9 anos atuando na Diocese de Tubarão, Dom João deixa amigos com coração partido, mas entendendo que a missão é maior e onde estiver estará levando consigo o nosso eterno agradecimento. Desejamos e aproveitamos para agradecer o nosso bispo pela compreensão e ensinamentos do caminho do bem. Que Deus o abençoe nesse novo desafio.


PSDB sem rumo


Era uma questão de tempo a inoperância e a intranquilidade dentro daquele partido que foi um dos maiores do estado de SC. O PSDB foi mal na eleição de 2020, principalmente no sul do estado – os reflexos são de um partido que não se reinventou durante os últimos anos e trazem consigo as consequências de um desastre anunciado, como está o PMDB até agora. As desculpas estão sendo de que todos partidos estão passando por esse desgaste.


O SISTEMA E O FINANCEIRO


No quesito “desgaste”, é inquestionável mesmo, uma vez que o sistema partidário no Brasil só serve para administrar milhões do fundo partidário e do fundão eleitoral. Perdendo a essência principal na qual foram criados, que era fortalecer a democracia, uma vez que se os partidos são fortes, a democracia é forte. É bom sabermos que o sistema é bruto e não é para amadores.

PUBLICIDADE
Só ilusão


Mas como mudar o sistema, se o sistema faz girar a roda? O sistema é o gerente e o dono dele próprio. Quanto mais partidos forem oficializados pelo sistema, melhor. E já vem ensinado, aprovado e, acima de tudo, controlado. Cabe a nós, que alimentamos tudo isso, continuar pensando como eleitores que a cada eleição que chega, os discursos das mudanças serão a tônica da esperança. Pura ilusão.


O FOCO É O PSDB


O partido vai mal. Desde 2014, vem minguando aqui no estado e no Brasil. Para a eleição de 2022, a nível nacional, traz um candidato a presidente que não decolou e perde ao mesmo tempo lideranças que sempre foram vencedoras, como é o caso de Geraldo Alckmin. Aqui no estado, vive uma passividade de Jó, esperando apenas uma vaguinha pra poder conseguir um espaço maior em qualquer candidatura de qualquer partido. Quer apenas ser coadjuvante nessa eleição, porque não tem o protagonismo que sempre lhe foi peculiar em outros tempos. É a realidade.


A pura realidade


A decadência do PSDB, já estava anunciada há muito, sendo percebida e monitorada por outras lideranças, que já abandonaram o barco. Hoje, faz parte de um governo dando apoio na assembleia sem contestação, como outros partidos que estão na mesma linha, hiper divididos. 

PUBLICIDADE
PARTIDO SEM ESPERANÇA


A esperança, que seria o ex-deputado Gelson Merisio, oriundo do PSD, não existe mais. Merisio já percebeu que ser candidato ao governo pelo PSDB nessa eleição não vai ser fácil, por isso prepara sua saída da sigla. Na verdade Gelson Merisio não entusiasmou muito os tucanos com sua entrada no partido. Nesta semana, em Paris, onde está passando uns dias de férias, já avisou que o PSDB está livre pra encontrar outro pré-candidato ao governo. Se é que tem. Ele está fora.


Deixou a presidência


A deputada federal Geovânia de Sá, deixou a presidência do PSDB na última terça- feira para cuidar da sua reeleição, que está muito bem encaminhada, principalmente no sul do estado. Assume no seu lugar o desconhecido prefeito da cidade de Concórdia Rogério Pacheco. Por aí percebe-se o que se comenta nos corredores do poder sobre o PSDB. O último que ficar, apaga a luz.


PRIMEIRA REUNIÃO


Aconteceu nesta quinta-feira a primeira reunião entre o novo presidente da Câmara de Tubarão Zaga Reis e o prefeito Ponticelli. O prato principal foi a articulação e a continuação do apoio da Câmara ao poder executivo. Outro assunto tratado foi o início da construção da nova sede do Legislativo – que passa pelos recursos da prefeitura. Zaga Reis é um político ponderado e do diálogo.


Um secretário articulado


Há muito tempo, Henrique de Castro é requisitado por vários prefeitos pela sua experiência em política e gestão pública. Henrique é um articulador nato. Filho de político (do amigo vereador Targino), coordenador de campanha por duas oportunidade para deputado tendo como candidato Pepê Collaço em 2018 e agora em 2022. Em 2018, por poucos votos, Pepê não se elegeu. Agora nesta eleição, o articulado Henrique Castro disse que desta vez a vitória não escapa. Experiência e conhecimento não lhe falta. Trata a coisa pública de forma transparente e com sabedoria. Henrique é o meu primeiro destaque de 2022.


FELIPE ESTEVÃO É FEDERAL


As articulações a cada dia se fecham em cima do deputado estadual Felipe Estevão para ser realmente o candidato a deputado federal nesta eleição pelo PTB. Nesse caminho a ser perseguido, Felipe tem ao seu redor líderes de outros partidos querendo levá-lo para ser candidato a qualquer custo. Mas o deputado, por enquanto, não sai do PTB. Sinceramente, fico com uma pulga atrás da orelha sobre essa certeza partidária do deputado. Porque convite não lhe falta. Cabe a ele escolher a melhor opção.


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.